Dicas práticas para a criação de um playground para gatos

Que os felinos amam brincar todos nós sabemos. Mas, com o passar do tempo, é comum que as brincadeiras que faziam quando filhotes passem a ser mais esporádicas, embora os bichanos não dispensem uma boa caixa de papelão e, claro, os famosos arranhadores.

Algo que os papais e mamães de pet precisam levar em consideração é que a disposição de brinquedos próprios para gatos é crucial para a vida fisiológica dos felinos. Afinal, quando você não está em casa, os bichinhos passam horas e horas à sua espera, muitas das vezes, sem ter com o que se ocupar.

E aqui temos um grande problema, estudos mostram que os gatos podem contrair quadros depressivos, o que resulta em oscilações de humor, falta de apetite e comportamentos extremamente agressivos.

Por isso, estimular os felinos, sobretudo quando ficam mais velhos, com brinquedos projetados especialmente para eles é uma forma de manter a saúde de seu pet sempre em dia.

Gato brincando com bola azul peluda

Como sabemos que em muitos pet shops há playgrounds já prontos, mas tendem a ser muito caros, no post da Brincando com Papelão de hoje, separamos algumas dicas para o seu playground para gato caseiro.

Benefícios de ter um playground para gatos em casa

Há uma crença popular de que gatos são frios e independentes emocionalmente, mas a grande verdade é que os felinos também precisam de muito amor, carinho e, claro, brinquedos, assim como os brinquedos de cachorros fazem sucesso com os caninos.

Em suas fases iniciais de vida é normal que os gatos desprendam de muita energia e saiam por aí arranhando e escalando tudo o que estiver ao seu alcance. E aí, a disposição de brinquedos que possam estimulá-los desde cedo é essencial para o desenvolvimento psicomotor dos felinos.

Quanto menos estimulados, menos ativos serão e maiores são os riscos de entrarem em depressão. Aliás, quando estressados, é bem provável que, se não tiverem um brinquedinho, são as pernas de suas cadeiras e o estofado de seu sofá que os felinos arranharão.

Aliás, se você trabalha fora e o seu gatinho fica sozinho ao longo do dia, ele precisa ainda mais de brinquedos que os estimulem a comportamentos naturais, como caça e escalada.

E assim, quando se tem um grande leque de opções que possam trabalhar e desenvolver diferentes funções, aumentamos o equilíbrio do humor dos felinos, deixando-os menos estressados, e contribuímos para o seu bem-estar.

Montando um playground para seu felino

Entendido os benefícios de um playground para gatos e quais são as maiores habilidades dos bichanos, vamos às ideias práticas para se criar a área de recreação. Então, pegue papel e caneta que as dicas estão imperdíveis.

Delimite o espaço de construção

Antes de escolher os brinquedos para comporem o seu playground é importante delimitar o espaço de construção. Primeiramente, se mora em um apartamento, talvez o melhor lugar de disposição dos brinquedos seja a sala.

Assim, para otimizar o ambiente, é interessante apostar em nichos de parede, eles são práticos e funcionais, sem contar ainda que os bichanos amam se pendurar por aí. Mas, se você mora em casa, pode cogitar a hipótese de fazer o playground na área externa – desde que mantenha os pets seguros e protegidos, sem acesso à rua.

Ainda, leve em consideração que se for ao ar livre, talvez o bichano fique impossibilitado de brincar em dias de chuva, então, contar com uma ala coberta é perfeito.

Se a sua casa for grande e dispor de algum cômodo que esteja desocupado, cogite a hipótese de montar o playground ali, assim, o felino terá mais espaço e de quebra não terá o empecilho dos agentes climáticos.

Invista nos brinquedos certos

Uma vez delimitado o espaço, agora chegou o momento mais divertido: a escolha dos brinquedos para os gatos. Obviamente que a sua escolha será pautada na disposição do espaço que você tem, contudo, existem alguns brinquedos que são essenciais para a construção de um playground para os bichanos. Vejamos alguns:

Arranhadores

Se você tem um sofá arranhado, já deve ter percebido que uma das atividades que os gatos mais gostam é afiar as suas garras. Por isso, investir em arranhadores de vários tamanhos e designs é uma forma de estimular o hábito de arranhar no objeto certo.

Gato deitado em arranhador

Além disso, eles podem ser confeccionados em materiais variados: o sisal é bem popular para isso, além de ser um recurso barato. Há opções de brinquedos de gatos para arranhar em papelão também – vale a pena investir, porque usar o papelão das caixas tradicionais não garante a durabilidade do arranhador.

Torres

Além de manter as garras bem afiadas, os gatos também gostam de escalar móveis e, geralmente, o fazem porque não possuem um brinquedo próprio para esse fim. Mas no mercado de brinquedos para pet já encontramos algumas torres prontas para compra e que são muito funcionais para estimular a escalada dos felinos.

Túneis

Você já deve ter percebido que ao deixar uma caixa de papelão no chão, os bichanos não perdem tempo e já se colocam dentro. Isso porque os gatos amam ficar entocados, deitadinhos, só existindo.

Por isso, túneis podem ser ótimas opções de brinquedo para se ter em playgrounds. E nem precisa de algo tão mirabolante e complexo não, o importante é que seja fechado e permita ao gatinho transitar livremente quando quiser.

Foguetes

Se você pensa em dar uma incrementada no playground e aumentar o leque de brincadeiras do gatíneo, existem outros brinquedos no mercado que podem deixar o seu bichano ainda mais feliz.

Os foguetes próprios para gatos são perfeitos, porque, geralmente, são encontrados com várias divisões, tornando-se quase que labirintos. E como gatos são aficionados por altura, repartições são boas pedidas para deixá-los entretidos por horas e horas tentando escalar.

Componentes para a montagem do playground

É preciso, ainda, que você utilize alguns componentes que servirão de base para a disposição dos brinquedos. Mas, é recomendado que você escolha primeiro os brinquedos e depois pense em tipos de suporte para saber o tamanho exato e a quantidade de material que precisará comprar. Vejamos alguns exemplos:

Prateleiras

As prateleiras podem ser feitas de maneira muito rápida e fácil, é preciso somente contar com madeira (MDF ou pinos são boas opções), suportes para fixá-las e parafusos, o que você pode encontrar em casas de construção.

Na hora de dispor das prateleiras, é essencial que você confira a distância exata entre elas para saber se é realista, dado o biotipo e as habilidades de seu gato. Distâncias muito grandes podem ser intransponíveis para gatos obesos, então fique atento!

Nichos de madeira

Na mesma ideia das prateleiras, você pode colocar em seu playground alguns nichos de madeiras de tamanhos diferentes e o mais legal é que você pode fazê-los com a madeira crua, mas também pode pedir a um marceneiro estofar a parte interna do nicho para deixá-lo ainda mais confortável.

Gato dentro de nicho de madeira

Dependendo do tamanho do nicho, você pode colocar ainda os arranhadores, apostando em designs diferenciados para deixar o playground ainda mais bonito.

O importante mesmo é se atentar se a escolha e distância dos suportes será funcional, do contrário, o playground será deixado de lado tão logo o felino veja uma caixa de papelão dando sopa.

Pontinho! Agora você já possui as dicas certas para montar o playground para gatos dos sonhos e deixar o seu bichano ainda mais engajado nas brincadeiras do dia a dia.

Se gostou das dicas, navegue pelo nosso blog e explore os nossos conteúdos. Aqui, mantemos uma produção ativa sobre brincadeiras para o desenvolvimento infantil.

Deixe um comentário